sábado, 11 de fevereiro de 2012

... acrescenta-lhe um ponto


        O que realmente se passou é simples e conta-se em poucas palavras: Rosália e Jorge eram ainda bastante jovens e namoravam há já algum tempo. Como ela andava a se sentir adoentada ultimamente, decidiu por bem consultar um médico e, coisa mais natural do mundo, o namorado acompanhou-a – mas ficou pela sala de espera, não entrou no consultório.
        Esta é a verdade dos factos, o que na verdade aconteceu.

        Só que não foi exactamente isto que foi dito.
        Aliás, versões da verdade houve muitas.


         Sabes Natália, a Rosália foi ao médico. Não, não sei o que ela tinha, mas sei que se andava a sentir mal, enjoada, não sei se estás a ver. Mas não é nada que me admire… Quando se namora há já tanto tempo como ela… O que é que eu estou a dizer?… Nada! Nadinha!… Mas sempre te digo isto: o Jorge foi com ela…

         Luísa, sou eu, a Natália. Desculpa estar-te a telefonar a esta hora, mas sabes o que a Graça me disse?… Imagina… Não?… Então, ouve só esta: a Rosália foi ao médico com o Jorge. Para quê?… E tu ainda perguntas?… O que é que achas que pode ser, se a menina se andava a sentir enjoada, e o menino também foi?… Claro!…

         Olá Rodrigo, estás bom?… Anda para aqui, que estamos mais à vontade. Olha, sei de uma coisa que acho que vais gostar de saber: a Rosália foi ao médico. Sim, sim, foi a Natália que mo disse. Mas qual doente, qual carapuça!… Olha, se o Jorge também foi, sempre te digo que a doença da Rosália deve ser daquelas que só se curam depois de 9 meses, não sei se me estás a perceber…

         Ei, Henrique, então, tudo bem?… Tu sabes o que é que a Luísa me acabou de dizer?… Imagina só!… A Rosália, meu, a Rosália parece que está grávida! Sério! Pelo menos anda com os sintomas todos e até já foi ao médico e tudo. E foi com o Jorge, meu!

         Espera aí, Dora, onde é que vais com tanta pressa?… Queres saber o que o Rodrigo me contou?… Então ouve, a Rosália está grávida! Ou assim parece… Pelo menos, foi ao médico. E o namoradinho também foi.

         Ivone, ainda bem que te encontro. Já sabes a novidade?… Quem me disse foi o Henrique: a Rosália está grávida. Sim, sim, grávida. Gravidissima. Gravidérrima. E o Jorge sabe. Sei lá o que eles vão fazer agora… Se fosse eu, eu sabia muito bem o que fazer: fazia um aborto. Mas como não sou eu…

         Fausto, Fausto, espera aí por mim. Então, já sabes?… Não?!… Foi a Dora que me contou: a Rosália está grávida. É verdade!… De quem? Com certeza que é do Jorge, o que é que achas!?… E agora?… Não faço a mínima ideia, mas o mais provável é ela fazer um aborto.

         Telma, queres ouvir o que me contaram?… A Rosália está grávida. Não estou nada a brincar, estou a falar a sério: disseram-me que o filho é do Jorge, mas eu já não digo nada… Daqui para a frente?… Não sei, a Ivone falou em aborto, mas duvido. Tu sabes como é a Rosália…

         Margarida, já sabes que a Rosália está grávida?… Quem mo disse foi o Fausto. Parece que o bebé é do Jorge, mas não há certezas. Ai, isso eu não sei, se ela vai abortar ou não, mas conhecendo a Rosália como eu conheço, acho que não.

         Clarisse, Clarisse, espera aí por mim. Ouve só esta: a Rosália está grávida! Sério! A Telma é que me disse. Mas há mais: parece que não há muitas certezas em relação a quem é o pai. E até já se fala em casamento! Claro que estou a falar a sério!… Com quem?… E com quem achas que deve ser?… O Jorge!!!… Sim, eu sei muito bem o que te disse, que se calhar ele não é o pai, mas o que é que queres?… O Jorge só tem olhos para a Rosália, tu sabes.

         Quim Zé, já sabes da Rosália?… Não?… Então, ela está grávida. Mas o melhor ainda eu não te disse: não é do Jorge. O filho, claro!… Só que vai haver casório, na mesma. Quem vão ser os noivos?… A Rosália e o Jorge, claro!… Mas tu acreditas?… Mesmo não sendo o pai, o Jorge vai casar com a Rosália… Quando?… Não sei, isso a Margarida não disse.

         Ei, Ernesto, já ouviste que a Rosália vai casar?… Com o Jorge, quem mais?… Porquê?… Então, ela está grávida!… Verdade!… E isto ainda não é nada: ouve só: ela não está grávida do Jorge!… É isso mesmo que te estou a dizer… E aquele papalvo ainda vai casar com a Rosália… Havia de ser comigo, casar por causa de um filho que não era meu… Bom, pelo que a Clarisse diz, o Jorge sabe da gravidez, mas eu já não digo nada…

         Olha, Zélia, as coisas estão neste ponto: a Rosália vai casar com o Jorge porque está grávida, mas não é do Jorge. Estás confusa?… E ainda não sabes da missa a metade: o Jorge não sabe que a Rosália está grávida. Pelo menos, foi isto que o Quim Zé disse… Sei lá quem é o pai do puto que a Rosália traz no bucho… Não sei, nem me interessa… Se calhar nem ela sabe…


        Vamos lá por partes, antes que a coisa alastre ainda mais: ora bem, no entender desta muito boa gente, a Rosália já estava a caminho do altar, grávida de nem ela sabia quem, para casar com o Jorge, que, coitadinho!, não sabia de nada. 
        E tudo isto por causa de uma simples ida ao médico!…


        Quem conta um conto…



P.S. – Já me esquecia… Para o caso de estarem interessados, sempre vos digo que a Rosália tinha apenas a tensão arterial baixa. Tão simples quanto isto!








Sem comentários:

Publicar um comentário